ir parar home > Blog > PROTEÇÃO SOLAR PARA TODOS OS TIPOS DE PELE  
10 maio

PROTEÇÃO SOLAR PARA TODOS OS TIPOS DE PELE  

A pele, assim como cada pessoa, é diferente e apresenta suscetibilidades diferentes frente à exposição solar. Dependendo do conteúdo de melanina, a pele pode ser mais clara (tipo nórdica) ou mais escura (tipo negra).

Existe uma classificação que permite atribuir os riscos dos diferentes tipos de pele quanto à exposição solar.

Veja a tabela abaixo:
QUADRO-1

* Em função  do horário, da estação, da meteorologia e do local, (na praia, por exemplo, com a água e o sal, a intensidade dos raios aumenta em 30%), o FPS pode variar.
Observações: É importante que pessoas de pele morena escura e negra utilizem o protetor solar, principalmente na praia ou na montanha. Também é fundamental que as pessoas usem protetor solar mesmo em dias nublados. O mormaço é um dos grandes causadores de queimadura solar e mesmo as pessoas de pele mais escura se queimam.

Índice de proteção solar

O fator de proteção solar (conhecido como FPS) do protetor solar deve ser escolhido em função do tipo de pele, do índice de radiação UV, do tempo de exposição solar e do horário do dia. Por exemplo, se a pessoa vai se expor ao sol durante o meio dia, o FPS deve ser maior.

O valor do FPS, normalmente, aparece no rótulo do produto e pode variar de dois até mais de 50. Fique atento, pois outros produtos além do protetor solar (como batons, cremes, loções faciais e até mesmo produtos para o cabelo), contém um índice de proteção solar. Quanto maior for o fator, maior será a proteção (melhor absorção dos raios UV).

Os protetores solares com FPS 15 protegem contra cerca de 93,3% dos raios solares, ao passo que os produtos com FPS 30 protegem contra 96,7%. Ainda não é possível atingir 100% de proteção contra os raios solares, mesmo com produtos com FPS altos. É importante também verificar o tipo de proteção que os produtos oferecem. Muitos filtros solares não oferecem cobertura suficiente contra os raios UVA. Os melhores componentes que protegem contra esses raios são a avobenzona, óxido de zinco e dióxido de titânio.

Observação: não se esqueça do rosto. Existem produtos específicos para o rosto com FPS adequado à pele facial. Se você tem a pele muito clara, não se esqueça de aplicar o protetor solar no rosto antes de se expor ao sol.

Índice de radiação UV

O índice de radiação UV, também conhecido como índice ultravioleta (IUV), mede o nível de radiação solar na superfície da Terra. Quanto mais alto o índice, maiores são os danos à pele e mais alto é o risco de desenvolvimento de câncer de pele.  O índice UV é registrado diariamente e divulgado pela mídia nos jornais.

Veja a tabela abaixo para entender como o risco varia (de extremo a fraco), dependendo do valor do IUV.
QUADRO2

Escolha do protetor solar

A escolha do protetor solar é muito importante para que a pele esteja sempre saudável e protegida no verão.

ATENÇÃO: Tão importante quanto a escolha do protetor solar é a forma como usá-lo. Um estudo da Sociedade Brasileira de Dermatologia mostrou que apenas 30% dos cariocas protegem a pele de maneira adequada contra o sol no verão.

Aqui está um resumo que pode te ajudar a escolher o protetor solar de acordo com o seu tipo de pele.

Legendas : tipos de pele (avaliação da pele em função do risco da exposição solar), FPS (= fator de proteção solar),IUV (= índice ultravioleta), >=40 implica em utilizar um protetor solar com FPS superior a 40.
QUADRO-3

Quanto mais escura a pele, maior a quantidade produzida de melanina, o que garante uma proteção natural à pele. Entretanto, mesmo as peles do tipo VI não devem usar protetores com FPS menor que 15.

Peles claras do tipo I e II devem preferir os bloqueadores solares.

Depois de alguns dias de exposição ao sol, com o aumentar do bronzeado, a pele fica mais resistente aos raios solares. Entretanto, o protetor solar não deve ser abandonado.

Esteja atento à cobertura do protetor solar contra raios UVA e UVB. Os melhores produtos protegem contra ambos os tipos de radiações solares.

Cuidado com os dias nublados. O mormaço pode queimar e, mesmo nesses dias, o uso do protetor solar é fundamental.

Além do corpo, existem protetores solares para cabelos, rosto, mãos, lábios etc. Procure aquele protetor que mais se adequa ao seu tipo de pele e necessidades.

Fonte: criasaude.com.br